random songs

\ZINE\

Guitarrista da Pelvs adianta surpresas para o show em Belém

A Pelvs vai tocar pela 1ª vez no Norte do Brasil, e também pela 1ª vez em Belém, no festival Se Rasgum. O show será no sábado dia 23 de agosto. Conversamos com Gordinho, guitarrista da Pelvs, para saber o que a banda está preparando para este show.

gordeto2.jpg

Gordinho em foto de Márcio K

mm> O que a Pelvs está preparando para o show de Belém?
Estamos preparando um show de hits, com dois pares de aspas, pelo menos. Como é a primeira vez que tocamos na cidade, resolvemos tocar músicas de todos os discos. Por ser um show curto de festival, vamos dar prioridade àquelas músicas que funcionam melhor ao vivo. Não necessariamente as que o público conhece melhor, mas as que se destacam nos shows.

mm> Pode adiantar algumas músicas do setlist?
Até poderia, mas acho que a surpresa é mais legal.
(nota da redação: a gente adora estragar surpresa, então podemos dizer que no setlist dos ensaios estão “Backdoor”, “Trippy” e “Sundried and Mellowed”. Dá uma olhada como foi “Backdoor” no festival Goiânia Noise de 2007)

Imagem de Amostra do You Tube

mm> Se vão tocar músicas de várias épocas, como resolver a ausência de ex-integrantes?
A formação atual está tocando há bastante tempo. Já fizemos muitos shows e sempre tocamos músicas de todas as épocas, muitas delas com arranjos diferentes dos originais. Pudemos contar algumas vezes com a presença do Dodô e recentemente o Marcos participou do show do “Peter Greenaway’s Surf”, o que foi ótimo. Apesar de não ser um integrante da formação original, quem acaba fazendo mais falta é o Pedrão, o corneteiro (brincadeira, trompetista) da banda. Deixamos de tocar algumas músicas por não fazer sentido tocá-las sem o trompete. Mas de uma forma geral, conseguimos adaptar as músicas à formação atual.

mm> Da escalação do festival, alguma outra banda que entre no seu radar de interesse?
Sim. Das que já vi ao vivo, El Mató a un Policía Motorizado, Violeta de Outono e Acabou La Tequila. Mas estou interessado em ver o que der para ver. Não conheço muito os artistas locais, mas espero sair de lá conhecendo um pouco melhor. Gostei do que ouvi do Meio Amargo.

mm> A Pelvs está preparando músicas novas? Algum disco novo à vista?
Devagar e sempre, acho que é a expressão que melhor define a PELVs. O disco novo está ainda na fase de ideia, mas já temos músicas suficientes para gravar. É possível que o disco novo saia em 2015. Antes disso, o Gustavo tem uma novidade, mas não vou estragar a surpresa dele.
(nota da redação: dessa vez, nem a gente)

Mais informações sobre o Festival Se Rasgum – clique aqui.

Postado 14/08/2014 às 13:21