random songs

\ZINE\

Gabriela e a nova formação do My Magical Glowing Lens

Resolvemos perguntar para a Gabriela como anda o novo My Magical Glowing Lens, que desde o começo de 2015 tem uma nova formação.

MMGL-(por-Thais-Carletti)

Gabriela, guitarra e voz (por Thais Carletti)

MM – Porque decidiu montar a banda?
Olha, eu nunca quis gravar tudo sozinha, a ideia sempre foi montar uma banda. Eu só gravei o EP sozinha porque não achei uma galera naquela época. Nunca parei de procurar uns cabeças pra montar uma banda. No final de tudo foram eles que me acharam: o Raími da banda TSM veio me falar que eles gostariam de tocar as músicas do MMGL. Eu já conhecia a banda deles, sempre curti o som deles, daí a parada fluiu muito! Foi meio que um super encontro, porque a gente tem muita ligação com o Prog Rock e a psicodelia e essas influências, mais a nossa paixão por improvisar, fez dar uma liga muito boa tocando juntos.

rafael-borges

Rafael Borges, bateria (por Thais Carletti)

MM – Qual a diferença que faz na lista de músicas ao vivo?
O som tá bem mais intenso e pesado! Uma novidade é que a gente toca a música ‘Cosmic Love Trip’, que faz parte do EP recém-lançado da banda nova-iorquina ‘The Post Nobles’, na qual fizemos uma participação nas gravações. Essa música é uma novidade ao vivo. Outra coisa que rola ao vivo é o seguinte: a gente estende o final das músicas fazendo improvisos. Nós adoramos improvisar, metade das músicas não tem um final estabelecido, eles são jams. Então o show acaba sendo muito diferente um do outro, e isso é ótimo. Torna tudo mais emocionante e divertido!

pedro-moscardi

Pedro Moscardi, baixo e teclado (por Thais Carletti)

MM- Quem são os integrantes? Eles já tocam em outras bandas? Onde os conheceu?
Os integrantes são os meninos da banda TSM, uma banda de prog noise psicodélico muuuuito maneira! Eu fiquei com a guita e voz, Raími com a outra guitarra, Pedro com baixo/teclado e Esquerda (Rafael) na batera. O Rafa é o mais elétrico da galera, toca em umas 5 bandas. Ele é um workaholic viciado em café e em estudar bateria. Agora só me lembro o nome de duas das bandas que ele toca, que é a Mango e a TSM. Mango também é uma banda fantástica. O Pedrim é mesma coisa que o Rafa, só que numa vibe mais susse, ele também toca na Mango e na TSM. Às vezes a gente tá no ensaio e Pedrim começa a tocar uma peça do Chopin no teclado, hahaha! Ele um figuraça, sabe tocar todas as músicas do MMGL em todos os instrumentos: bateria, guitarra, telado e baixo (nem eu mesma que compus as músicas sei isso…). Às vezes eu penso que ele tem ouvido absoluto, ou algo assim, porque ele tem uma memória sonora fora da realidade! Já o Raími tira peça clássica no violão, toca violão clássico igual um filha da puta. Ou seja, todos eles são músicos de verdade, eu fico até sem graça de tocar com eles. Eu os conheci indo a shows de rock em Vitória!

raími

Raími, guitarra (por Thais Carletti)

MM- Quais são os planos agora que o MMGL tem banda?
Tocar, tocar e… tocar, haha! Tocar aqui pelas redondezas e tentar fazer esse tipo de gig que estamos fazendo agora, por São Paulo, em outros lugares. Além disso, gostaria de gravar as próximas músicas com a ajuda dos meninos!

mmgl_banda_aovivo

MM- Quais músicas estarão na fita cassete da Honey Bomb?
As músicas do EP são: ‘All Right!’, ‘Summer Nowhere’, ‘I Will Never Find’ e ‘Dreaming Pool’. Na versão do EP em CD também está incluso nosso single ‘Windy Streets’.

Compre aqui – Honeybomb

Postado 31/05/2015 às 11:54