random songs

\ZINE\

Direto dos festivais

sfa_calango_08_por_rafael_monteiro.jpgSweet Fanny Adams no Calango – Cuiabá / MT(08/08/08):
(foto por Rafael Monteiro)
Depois do Los Bobs vieram os pernambucanos do Sweet Fanny Adams, que botaram mais pilha na galera. A banda tem músicas com boas construções instrumentais e ritmos bem dançantes. “Hate Song 3” é definitivamente um hit do underground, e com todo o mérito.
Dynamite Online.

Os dois palcos montados um ao lado do outro fazem com que não haja intervalo entre as bandas e, logo depois, os pernambucanos do Sweet Fanny Adams tocam seu rock influenciado pelas bandas internacionais anos 2000. Strokes e Franz Ferdinand saltam aos ouvidos.
Portal IG

Diogo, vocalista e guitarrista exagera nos “do caralho” em entrevista pro programa Alto Falante da Rede Minas:
veja o vídeo aqui.

Ao vivo no Calango 2008, por Urbanaque:
Imagem de Amostra do You Tube

Sweet Fanny Adams no MADA – Natal/RN (14/08/08)
Quem vem evoluindo a olhos vistos em cada apresentação é o Sweet Fanny Adams. Com domínio de palco, técnica apurada e boas composições na linha pós-Strokes, o grupo fez uma apresentação impecável, mas foi recebido com indiferença pelo frio público potiguar.

site RecifeRock

SWEET FANNY ADAMS também é de Recife e fez o show mais “diferente” da noite. Nas influências ficam nítidos Gang of Four e Talking Heads, por exemplo. As músicas têm boa pegada e levam a dançar. Mais uma pernambucana que enterra as raízes e mostra que a fase em Recife aponta para fora. No fim “Hate Song” animou alguns presentes.
por Rock Press

Amps & Lina no MADA – Natal/RN (14/08/08):
AMPS & LINA vieram de Recife após ganhar a seletiva Radar Indie. Se na seletiva o som estava embolado a ponto de não se entender o vocal e de alguns instrumentos passarem batidos, dessa vez foi diferente. Fizeram um show bom que mistura rock com elementos eletrônicos e até um violino. Bom para o público e as bandas de Natal verem, já que aqui não há muita experimentação.
por Rock Press

Postado 22/08/2008 às 11:50