random songs

\ZINE - julho de 2021\

Mr-Spaceman’s 5th album dives deep in Brazilian folk-psychedelia

Mr_Spaceman_2021-(foto-por-Mariana-Porto)web

pic: Mariana Porto

Mr-Spaceman is Regis Damasceno‘s space to release his own songs. Born in Fortaleza, an idyllic seaside capital in the Northeast of Brazil, Regis moved to São Paulo in the late 90s and started his career as a side-guitarist for many famous Brazilian musicians.

He has been playing and writing songs with Cidadão Instigado and played as side-musician with Guizado, MoMo, Lucas Santtana, Vanessa da Matta, Tom Zé, Arnaldo Antunes, Otto, Beto Guedes, Jupiter Maçã, Gui Amabis, Milton Nascimento, Marcelo Jeneci, Karina Buhr, Pélico, to name a few.

Locked at home during the Covid-19 pandemic, Régis Damasceno, released his 5th album. “Park” is his “second pandemic album”(“Loop” came before). It features 10 songs composed by himself and others with long time partners such as Daniel Pessoa (“Golden Sky”), Júlia Debasse (“Naive”) and Mário Quinderé (from Dead Poets, Fish Magic) on “Black Rain” and “It Comes at Night”.

Raised listening to Beatles and The Smiths, Mr-Spaceman’s music is guitar-focused but “Park” welcomes new instruments such as the sitar, piano and different synthesized beats. It’s a modern take on Brazilian folk and psychedelia.

Produced, mixed and mastered by Régis, “Park” also features appearances by Clayton Martin (Cidadão Instigado, Detetives, Os Ostras) playing the drums and inserting samplers on some tracks, André Lima playing the piano on “It Comes at Night” and Fernando Catatau (Cidadão Instigado) playing the guitar on “Kronos”.

Spotify
Deezer
Apple Music
Amazon Music

Postado 16/07/2021 às 6:16

Mr Spaceman lança 2º disco “pandêmico” com partipação de Fernando Catatau e Clayton Martin.

Mr_Spaceman_2021-(foto-por-Mariana-Porto)web

Ainda vivendo o isolamento provocado pela pandemia de Covid-19, Régis Damasceno, ex-Velouria, lança o 5º disco de seu projeto Mr-Spaceman. “Park” é o “segundo álbum pandêmico”, como Régis descreveu, traz 10 músicas compostas por ele próprio e algumas com parceiros e parceiras tradicionais.

Daniel Pessoa ajudou a compor “Golden Sky”, Júlia Debasse co-escreveu “Naive” e Mário Quinderé (Dead Poets, Fish Magic) é parceiro em “Black Rain” e “It Comes at Night”.

Produzido, mixado e masterizado pelo próprio Régis, “Park” conta ainda com participações de Clayton Martin (Cidadão Instigado, Detetives, Os Ostras) tocando bateria e inserindo samplers em algumas faixas, André Lima tocando piano em “It Comes at Night” e Fernando Catatau (Cidadão Instigado) tocando guitarra em “Kronos”.

A capa do disco, uma belíssima aquarela com um “mr spaceman” foi feita por Elliot Martinez, afilhado de Régis e filho do músico João Erbetta.

“Park” foi lançado apenas no formato digital.
Ouça toda a discografia da banda na página do Mr-Spaceman
Ouça, baixe e compre “Park” no Bandcamp
Spotify
Deezer
Apple Music
Amazon Music

Postado

Pancake

011web

Quem frequentava a cena alternativa carioca na segunda metade da década de 90 deve se lembrar do Pancake, que, ao lado do Essential Tension e da Pelvs, compunha o que havia de mais interessante na época por aqui.

Liderada por Marina, uma das “indies” mais famosas de Niterói, a banda realizou dezenas de shows no Rio de Janeiro e também em outras cidades do país. Era tida como uma das grandes revelações do indie-pop, mas só durou o tempo suficiente para lançar a singela fita “Pancake corner”, com uma capinha de muito bom gosto: uma foto tirada em Amsterdã de uma bicicleta encostada em um poste em frente a uma loja onde se lê no letreiro o nome da fita. Não era montagem de computador nem nada, a loja “Pancake corner” realmente existe.

Porém, o tesouro mais precioso daquela fita não era a foto da capa, mas sim uma música chamada “Outside”. Pouco importa o baixo um tanto quanto fora de sincronia e o aparente desleixo na mixagem: essa canção tem uma batida e uma harmonia contagiantes. E o mais delicioso é o refrão com um belo trabalho de backing vocal da Marina. Lindo, lindo, lindo.

Além de “Outside”, a fita trazia outras 4 músicas igualmente melódicas, barulhentas e rápidas, no melhor estilo power pop anos 90. A 6ª música era uma versão para “Crash” dos Primitives*, banda inglesa do final dos anos 80.

”Pancake Corner” foi lançada em 1998 e imediatamente entrou para a coletânea (também em cassete) “where d’you get your information from?” do midsummer madness. Esta coletânea trazia 4Track Valsa (atual Casino), Jupiterscope e A Lydie.

Todas as 3 bandas haviam terminado até 2002 quando o Pancake deciciu voltar.
 Um dos motivos, além do gosto por música, era manter viva a memória da banda, que, depois de extinta, recebeu a terrível notícia de que uma outra banda, também com meninas, mas de rock-metal e bancada por um produtor, se apoderou do nome “Pancake” e o registrou. Pior: as metaleiras, cientes de que já havia existido uma banda chamada Pancake, trataram de contratar advogados e encaminhar cartas ameaçadoras à Marina e às suas amigas alertando-as para não mais usar o nome “Pancake”. Como o Pan Cake da Marina é de 1998 e as metaleiras só apareceram em 2000, decidiu-se manter o nome da banda: Pan Cake, separado, que significa bolo de pão, comida.

O Pan Cake, mesmo formado por 3 mulheres e 1 homem, rejeita a definição de banda feminina, riot girl ou qualquer coisa que não se refira à música.

Um relançamento em CDR via midsummer madness em 2002 contava com 2 músicas gravadas para a coletânea “Em Órbita” que foi lançada em CD em 1999. Reunindo todas as músicas da 1ª fase da banda, o Pancake está de volta e pretende reagrupar sua formação inicial para voltar a fazer shows.

(texto original do release de relançamento, de 2002, escrito 
por Fernando Paiva – jornalista e guitarrista da banda “Luisa mandou um beijo” e Rodrigo Lariú)

DSC01433web

Pancake é
Raquel de Almeida Rodrigues – voz
Marina Pontes Macacchero – guitarra e voz
Luiza Denizot Naritomi – baixo
Marcio Abi-Ramia – bateria
Pedro Paulo Lopes Pinto – guitarra
Livia de Aguiar Mello – voz em “Nova” e “Love Canal”

Ouça, baixe e compre “Pancake Corner” no Bandcamp
Spotify
Deezer
Apple Music

Postado 02/07/2021 às 10:32